ForaDeJogo.net - Portimonense 2010/2011


Nome:
Pass:
Registo Recuperar
.



Portimonense Sporting Clube
Nome: Portimonense
Associação: AF Algarve
Cidade: Portimão
Estádio: Portimonense Sporting Clube
Ano de fundação: 1914
Sede: Praça Manuel Teixeira Gomes, 4 - 1º
8500-542 - Portimão
Web: www.portimonense.pt
Plantel 2010/2011
<<   >>
Treinadores
T Carlos Azenha
Litos
Staff
João Bastos(ADJ), Hélder Cristovão(ADJ), Nuno Costa(PF)
Entradas
André Pinto (20)Vitória Setúbal (I)
Lito (35)Académica (I)
Candeias (22)Paços de Ferreira (I)
Ventura (22)Olhanense (I)
Elias (28)U. Leiria (I)
Pedro Moreira (21)Gil Vicente (II)
Soares (21)Vila Nova   (B)
Pedro Silva (29)Sporting (I)
Ricardo Nascimento (23)Penafiel (II)
André Vilas Boas (27)Marítimo (I)
Hélder Castro (24)Univ. Cluj   (I)
Wakaso (18)Portimonense (JUN)
Ivo Gonçalves (26)Lagoa (II B)
Kadi (22)Bidvest Wits   (I)
Renatinho (23)Front. Kawasaki   (I)
Peña (20)Sp. Braga (I)
Nuno Santos (31)Vitória Setúbal (I)
Pelembe (22)Maxaquene   (I)
Mourad (27)Tromso   (I)
Patrick (19)Atlético Paranaense   (A)
Jumisse (25)
João Paulo (21)Tombense FC   (II E)
Dong (25)Legia Varsóvia   (I)
Di Fábio (31)
Valencia (21)Sportivo Luqueño   (I)
Liga ZON Sagres
Guarda-redes Defesas Médios Avançados
1Ventura5Ricardo Pessoa8Elias9Ivanildo
12Ivo Gonçalves27Valencia13Wakaso11Lito
17Nuno Santos16Nilson25Soares22Candeias
24Pedro Silva29Ricardo Nascimento28André Vilas Boas77Renatinho
  2João Paulo7Jumisse18Dong
  3André Pinto15Pedro Moreira20Pires
  4Di Fábio19Pedro Silva82Mourad
  26Rúben Fernandes6Pedro Moita21Kadi
    10Aragoney30Pelembe
    23Peña99Patrick
    70Hélder Castro  
Um destino cedo traçadoPedro Miguel Custódio

O destino do Portimonense na Liga Zon Sagres ficou desde muito cedo traçado. O regresso à 2ª Liga começou a desenhar-se demasiado cedo. Após 20 anos de ausência dos grandes palcos, o Portimonense foi uma equipa que a espaços praticou um Futebol agradável, mas penalizado, muitas vezes, pela inexperiência e alguma falta de qualidade dos seus jogadores.

Litos, treinador da subida, continuou ao leme dos alvinegros. O plantel era constituído na sua maioria por jogadores emprestados, nomeadamente provenientes do FC. Porto, clube com o qual o Portimonense tem estreitas relações por culpa da amizade que une o antigo Presidente Fernando Rocha a Pinto da Costa. De Moçambique chegaram dois jogadores, Jumisse e Pelembe, referenciados por Litos, aquando da sua passagem por este país africano, como treinador do Maxaquene. Os nomes mais sonantes eram Pedro Silva, emprestado pelo Sporting, e o fantasista Renatinho, craque do Santos do Brasil, que andava pelo Futebol japonês. Mais do que ter um plantel com poucas caras conhecidas dos adeptos, o Portimonense acabou por pagar a factura de jogar 10 dos seus 15 jogos a realizar na condição de visitado a cerca de 40 Kms de Portimão, no malfadado Estádio do Algarve. Em 10 jogos, o Portimonense conseguiu apenas 7 pontos, fruto de duas vitórias e um empate. O regresso ao Municipal de Portimão deu-se demasiado tarde... A jogar em Portimão, o Portimonense demonstrou bom Futebol e números que justificam a teoria de que se tivesse jogado sempre no seu campo teria conseguido a permanência sem grande dificuldades. Em 5 jogos, venceu 2 (Vit. Guimarães e Marítimo), empatou 2 (Nacional e Olhanense) e perdeu apenas com o Campeão Nacional FC. Porto nos últimos minutos da partida (2-3). Conseguiu 8 pontos contra apenas 7 conquistados no Estádio Algarve... no dobro das partidas!

Após a 14ª jornada, embora o Portimonense tenha logrado um empate na deslocação ao terreno do Marítimo, a paragem de Natal conduziu a uma mudança na equipa técnica. Carlos Azenha, depois de uma péssima passagem pelo comando técnico do Vitória de Setúbal, substituiu Litos. O Portimonense encontrava-se na penúltima posição, a 4 pontos do Vitória de Setúbal, primeira equipa acima dos lugares da despromoção. A entrada de Azenha não trouxe melhorias de imediato nos resultados obtidos. O Portimonense conseguiu apenas 2 empates nas primeiras 6 partidas com Azenha no comando. As alterações no plantel também não acrescentaram qualidade à equipa. Carlos Valência e Hélder Pelembe (inadaptação ao Futebol português); Jumisse (afastado depois de dar uma entrevista nos Jornais a criticar a desunião existente no grupo); Pedro Moita (sem andamento para a liga principal depois de ter sido uma das figuras principais na subida de divisão); Renatinho (que abandonou o clube por iniciativa própria) foram alguns dos jogadores que deixaram o Algarve. A Portimão chegaram os avançados Mourad e Patrick, que nunca demonstraram valor; André Vilas Boas, que se lesionou com gravidade e fez apenas meia dúzia de jogos; e Ricardo Nascimento, que acabou por ser o único reforço digno desse nome.

O regresso do Portimonense ao seu Municipal trouxe um fôlego extra e os alvinegros conseguiram uma série de 5 jogos sem derrotas, no entanto o atraso que tinha dos lugares de despromoção já era considerável. Pese algumas boas exibições e resultados, o Portimonense nunca logrou sair dos últimos dois lugares da tabela. Nas últimas jornadas, embora tenha conseguido importantes vitórias diante do Marítimo e em Leiria, o Portimonense confirmou o seu triste destino na penúltima jornada. Fica na retina algumas “pinceladas” de bom Futebol desta equipa do Portimonense, no entanto o péssimo desempenho conseguido na sua casa emprestada, no Estádio Algarve, tornou demasiado agonizante o regresso do Portimonense à 1ª Liga.

O momento: a derrota em Coimbra, diante da Académica (0-1), em jogo a contar para a 25ª Jornada

Numa série de 5 jogos sem derrotas, o Portimonense deslocou-se a Coimbra e perdeu uma oportunidade de ouro para reduzir para 2 pontos a distância para os lugares de salvação. O bom desempenho do guarda-redes da Académica impediu o Portimonense de sair de Coimbra com pontos. A partir deste jogo, o Portimonense passou a jogar de calculadora na mão, evitando até à penúltima jornada o “match-point” dos adversários.

A figura: Ricardo Pessoa

O “capitão” Ricardo Pessoa falhou apenas uma partida por castigo. Na 6ª temporada em Portimão, Pessoa demonstrou um coração enorme, nunca desistindo. As suas lágrimas, após consumada a descida, ficam gravadas e são elucidativas do amor que nutre pelo Portimonense.

A revelação: Ventura/Candeias

O guarda-redes Ventura, depois de uma experiência menos positiva no rival Olhanense, demonstrou muita qualidade. Fez muitas vezes defesas impossíveis, mantendo o Portimonense na disputa dos resultados. Foi distinguido como o guarda-redes que efectuou mais defesas nesta edição da Liga – 161. As suas exibições não passaram despercebidas ao seleccionador Paulo Bento, tendo sido convocado para a Selecção “A” (na última convocatória diante da Noruega foi 3º guarda-redes, Eduardo e Patrício foram os outros convocados).

Candeias, depois de experiências fracassadas ao serviço de Rio Ave, Huelva e Paços de Ferreira, exibiu-se a um nível muito elevado. Foi o jogador com mais cruzamentos efectuados na Liga – 229 e o 5º com mais assistências – 4. Na próxima época irá jogar no Nacional, no âmbito do negócio de Rúben Micael para o FC. Porto, prometendo afirmar-se definitivamente, aos 23 anos, no Futebol português.

A desilusão: Mourad/Aragoney

Mourad, avançado que chegou em Janeiro, internacional “A” sueco, foi uma nulidade completa. O seu passado no Gotemburgo aguçava o apetite da massa adepta marafada, no entanto Mourad foi mais um a contribuir para o fracasso do Portimonense no seu regresso à 1ª Liga.

Aragoney, que na época passada se tinha lesionado com gravidade, perdendo a fase decisiva da subida, voltou a lesionar-se com gravidade, falhando praticamente toda a temporada. A cumprir a 2ª época ao serviço do Portimonense, Aragoney nunca teve oportunidade de demonstrar o seu valor. Nas poucas aparições espalhou o seu virtuosismo em campo, no entanto as lesões impediram a sua afirmação.

Um pequeno extra: a equipa ideal

Ventura; Ricardo Pessoa “capitão”, André Pinto, Rúben Fernandes e Ricardo Nascimento; Soares (Pedro Moreira), Elias e Pedro Silva; Candeias, Lito (Ivanildo) e Pires (Calvin Kadi).

 

PEDRO MIGUEL CUSTÓDIO “TOY MARAFADO”

www.blogdoportimonense.blogspot.com


Quem somos1 Contactos Agradecimentos Detectou um erro ou tem uma sugestão?
ForaDeJogo.net 2010